Outras áreas

Mensagem de final de ano letivo 2019 / 2020

Cada ano, envolto na rotina escolar, acaba por ter uma marca própria que o individualiza na memória dos que o viveram. 2019-20 será um ano letivo que permanecerá marcado, de forma indelével, nos anais da EADCN, como do País e do Mundo.

Uma vez mais, iniciámos um ano letivo de acordo com uma planificação ambiciosa, com um projeto de grande fôlego, envolvendo toda a comunidade, que se veio a concretizar, com um sucesso assinalável.

Como tem vindo a ser habitual, a colaboração de todos, pais e encarregados de educação, alunos, professores, diretore(a)s de turma (e sua coordenadora), diretor artístico, diretora de curso, técnicos especializados (osteopata, psicóloga e produção), assistentes técnicos administrativos (e sua coordenadora), assistentes técnicos de áudio e vídeo ( e seu coordenador), assistentes operacionais (e sua encarregada), conselho geral (e sua presidente), conselho pedagógico, conselho administrativo, associação de estudantes e associação de pais e encarregados de educação, permitiu a concretização do ano escolar nos primeiro e segundo períodos letivos e a atividade espetacular projetada.

Numa reviravolta inesperada, própria, muitas vezes, do estudo do movimento que caracteriza muita da nossa carga curricular, o terceiro período, desta feita substancialmente sustentado pelas famílias, e pelos nossos versáteis docentes, veio a provar aos nossos estudantes que a internet, tão cobiçada nos tempos livres, passou a ser instrumento fundamental de todos os tempos.

Sem uma tradição de ensino a distância, o resultado, passados os primeiros momentos de natural experimentação e de afinação técnica e tecnológica, acabou por revelar uma energia extraordinária da parte dos intervenientes, com resultados que orgulham a escola e que virão a constituir um acervo de estudo, num futuro que se deseja presencial.

O dia de amanhã permanece um mistério e as projeções sobre o próximo ano são, ainda, incipientes. Tudo será feito, como o Ministério anuncia, e a Escola deseja, para que o ensino presencial seja a nossa realidade em setembro. Talvez de forma diferente daquela a que estávamos habituados, mas, ainda assim, da forma que a Dança exige, em estúdio e com a presença do(a) professor(a).

Para aqueles para quem este foi o último ano na EADCN, resta-nos desejar-lhes que o futuro os compense por tudo que a escola não lhes pôde oferecer nos últimos meses, e a que estavam habituados, como o espetáculo final e a respetiva despedida emocional. Quer prossigam estudos, quer se orientem numa via profissionalizante (e os finalistas, felizmente, já estão encaminhados), levam consigo uma memória marcada no espírito, como no corpo, e os nossos desejos de uma vida de sucesso e com saúde.

Por último, só posso agradecer a todos por nos terem ajudado a atravessar este difícil período das nossas vidas pessoais / familiares, profissionais / escolares e pelos elevados níveis de sacrifício e de cooperação demonstrados, que permitiram manter viva a alma da Escola Artística de Dança do Conservatório Nacional, e da Dança, com especial destaque para os meus dois parceiros da direção, sem os quais não teria levado este ano a bom termo, nem a coragem de planear o próximo.

Obrigado e boas férias a todos.

Paulo Ferreira
Diretor

Os comentários estão encerrados.

República Portuguesa | Educação